Arquivo da tag: Perspectivas em Ciência da Informação

Perspectivas em Ciência da Informação é uma publicação quadrimestral da Escola de Ciência da Informação da UFMG. Foi lançada em 1996, em substituição à Revista da Escola de Biblioteconomia da UFMG. Divulga relatos de pesquisa, estudos teóricos, revisões de literatura, textos didáticos, relatos de experiências, traduções e resenhas em Ciência da Informação, Biblioteconomia e áreas afins. Está disponível no endereço: http://portaldeperiodicos.eci.ufmg.br/index.php/pci.

A formação do bibliotecário para atuar em bibliotecas virtuais: uma questão a aprofundar

MADUREIRA, Helania Oliveira; VILARINHO, Lúcia Regina Goulart.  A formação do bibliotecário para atuar em bibliotecas virtuais: uma questão a aprofundar. Perspectivas em Ciência da Informação, Belo Horizonte, v. 15, n. 3, p. 87-106, set./dez.. 2010. Disponível em: <http://www.scielo.br/pdf/pci/v15n3/06.pdf>. Acesso em: 05 abr. 2014.

Resumo

A pesquisa focalizou a formação de bibliotecários para o trabalho em bibliotecas virtuais (BV), buscando responder às seguintes indagações: (a) como os cursos de formação de bibliotecários preparam esse profissional para atuar em BV; (b) que dificuldades estes sujeitos encontram em seu trabalho; (c) como mantém sua formação atualizada. A natureza dessas indagações, baseada na fala de bibliotecários, direcionou a pesquisa para a dimensão qualitativa. As informações foram coletadas junto a bibliotecários experientes e recém-formados, com apoio de questionário online, sendo as respostas analisadas com orientações da técnica de Análise de Conteúdo. Os resultados foram confrontados ao embasamento teórico que abordou três tópicos: o moderno profissional de informação; formação do bibliotecário para atuar em BV; e educação continuada do bibliotecário. Dentre as conclusões obtidas destacam-se: (a) a formação do bibliotecário está longe de privilegiar o perfil do moderno profissional da informação; e (b) os sujeitos encontram-se preocupados com processos de organização de suas bases de dados, que passam a ser online. Há indícios de que ainda se prendem à função básica da biblioteca tradicional, que é manter a memória coletiva da sociedade, desconsiderando que na era da internet a memória se torna volátil, transformando-se constantemente.

Palavras-chave: Bibliotecas virtuais. Formação do bibliotecário. Moderno profissional de informação.