Arquivo da tag: Biblioteca Pública

Biblioteca pública é um espaço sociocultural que dispõe produtos e serviços informacionais para a comunidade em geral. Possui em seu acervo uma ampla gama de assuntos em múltiplos suportes.

Leitura, biblioteca e política de formação de leitores no Brasil

Resumo
O fomento à leitura no Brasil vem, historicamente, contornando inúmeros obstáculos. Um dos mais frequentes é a inexistência de políticas públicas contínuas e bibliotecas, tanto públicas quanto escolares, que contribuam para o aprimoramento cultural, para a inserção da população à cidadania. A trajetória da implantação da biblioteca, pública ou escolar, em nosso país reflete hoje no desempenho das políticas públicas de leitura delineadas ao longo da história do Brasil e, ao mesmo, apresenta o retrato do leitor que temos hoje e, principalmente, sugere a base para o aprimoramento da política de formação de leitor que a escola pública deve adotar. Este artigo, resultado de tese defendida em 2006 pela Unesp/Marília, estrutura-se em três fases distintas: a primeira relata a invenção da escrita-leitura e sua íntima relação com o desenvolvimento da humanidade. A seguir, apresenta a convivência da sociedade brasileira com o livro, a biblioteca e a leitura desde a chegada dos portugueses ao país às primeiras décadas do Século XX e, posteriormente, aos programas brasileiros atuais de incentivo à leitura e à formação de leitor.

Palavras-chave: Leitura. Biblioteca Pública. Biblioteca Escolar. Políticas de Leitura. Formação de Leitores. Continue lendo Leitura, biblioteca e política de formação de leitores no Brasil

Como é trabalhar em uma biblioteca?

Biblioteca-Mário-de-Andrade

Trabalhar numa biblioteca é estar um pouco mais perto dos pensamentos de Clarice Lispector, é ter os “olhos de ressaca” de Capitu entre as estantes, é mostrar para os usuários que existem várias possibilidades de leitura, mostrar que existem vários mundos dentro de um espaço.

Trabalhar em uma biblioteca é aprender que os sonhos de um escritor são eternos e não apenas no momento da escrita. É vivenciar crianças que se encantam com a sua primeira vez em uma biblioteca, é ver gerações de todas as idades se reciclando no mundo literário.

Aqui também vejo pessoas que usam o espaço como um abrigo, apenas para fugir de um mundo real. Passam o dia todo falando sozinhos, dando voltas e voltas sem saber o que fazer. E percebem que nem todos os usuários respeitam os livros, usando-os por obrigação acadêmica, rabiscando-os, amassando-os, detonando-os, sem se preocupar que esses livros fazem parte de uma comunidade e passarão para outras mãos.

Aprendo aqui que nem todos os leitores que leem autores consagrados têm educação e gentileza com o próximo, pois gritam e querem burlar as regras de uma biblioteca. Aprendi que: nem sempre quem lê é educado.

Trabalhar em uma biblioteca é fazer parte de uma equipe onde todos trabalham por amor, onde todos querem dar sempre o seu melhor. Sair de casa para trabalhar na Biblioteca Circulante é ter um pouco de Cora Coralina, Drummond e Mario Quintana todos os dias na sua vida…

Fonte: Biblioteca Mário de Andrade

Projeto obriga bibliotecas a instalar programas para pessoas com deficiência visual

Implantar programas de software com a finalidade de facilitar o acesso de pessoas com deficiência visual aos computadores nas bibliotecas públicas de todas as cidades com mais de 50 mil habitantes. Esse é o objetivo do Projeto de Lei do Senado (PLS) 138/2014, do senador Ciro Nogueira (PP-PI), em análise na Comissão de Educação, Cultura e Esporte (CE).

Para o senador, os livros editados em braile e acompanhados de versão em áudio já não são mais suficientes para promover a igualdade do acesso entre as pessoas sem deficiência e aquelas que são privadas da visão. “O desenvolvimento vertiginoso dos meios tecnológicos de informação privilegia quem pode manejar computadores”, acrescentou, ao defender a implantação dos programas.

O projeto prevê que as bibliotecas reservem espaços exclusivos, com mesas, cadeiras e teclados específicos para uso das pessoas com deficiência visual.

Na CE, o projeto tem como relator o senador Eunício Oliveira (PMDB-CE). Depois, a matéria ainda passará pela Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa (CDH), em decisão terminativa. Isso significa que, se não houver recurso para a votação em plenário, o projeto poderá seguir para a Câmara dos Deputados. Continue lendo Projeto obriga bibliotecas a instalar programas para pessoas com deficiência visual

Projeto levará acervo digital a bibliotecas públicas do país

Um projeto de implantação de acervo digital nas bibliotecas públicas brasileiras será apresentado nesta quarta-feira (13) em Brasília.

O programa foi desenvolvido pelo Observatório do Livro e da Leitura (centro de estudos e pesquisas sobre a questão do livro e da leitura no país), em parceria com a Árvore de Livros (biblioteca digital voltada para atender a educação básica das redes de ensino pública e privada).

Em Brasília, será assinado um acordo de cooperação técnica entre o Observatório e a Associação Brasileira de Municípios, com apoio, nos Estados, dos Sistemas Estaduais de Biblioteca Pública.

As bibliotecas públicas dos 5.570 municípios brasileiros poderão aderir ao programa na própria quarta. Terão acesso gratuito ao acervo, à plataforma de empréstimo e ao serviço de manutenção do sistema.

Num primeiro momento, estarão disponíveis cerca de mil e-books de autores clássicos brasileiros em domínio público. O acesso aos livros será por computadores, tablets, e-readers e smartphones. O projeto não inclui o empréstimo dos equipamentos.

Para evitar a pirataria, o leitor não poderá baixar o livro. O serviço será via streaming (transmissão pela internet), o mesmo utilizado pela empresa Netflix para empréstimo de filmes e séries.

“É fundamental preparar nossa bibliotecas para este contexto tecnológico atual”, afirma Galeno Amorim, diretor do Observatório do Livro e da Leitura e ex-presidente presidente da Fundação Biblioteca Nacional.

“É uma forma de conseguirmos recuperar o leitor que vinha se distanciando da leitura. O empréstimo poderá ser feito pelo site das bibliotecas, em qualquer hora, em qualquer dia. Também representa uma solução para o problema de ter um espaço físico para alojar os livros.”

Amorim destaca ainda os ganhos na difusão da leitura —um mesmo livro poderá ser lido por um número infinito de leitores ao mesmo tempo.

Fonte: Folha

Biblioteca pública: princípios e diretrizes

Capa: Biblioteca pública: princípios e diretrizes

FUNDAÇÃO BIBLIOTECA NACIONAL. COORDENADORIA DO SISTEMA NACIONAL DE BIBLIOTECAS PÚBLICAS. Biblioteca pública: princípios e diretrizes. Rio de Janeiro: Fundação Biblioteca Nacional/Departamento de Procedimentos Técnicos, 2000. 160 p.

Bibliotecas vão além do acesso ao livro

Em frente à Biblioteca Pública Estadual Luiz de Bessa, em Belo Horizonte, as estátuas de Otto Lara Rezende, Fernando Sabino, Paulo Mendes Campos e Hélio Peregrino batem papo. O encontro imaginário dos escritores, representado pela escultura na entrada do prédio desenhado por Oscar Niemeyer, parece aludir àquilo em que o conceito de biblioteca vem se transformando.

“As bibliotecas não podem se limitar à sua tradicional função de empréstimo de livros”, observa Marina Nogueira, diretora do Sistema Estadual de Bibliotecas Públicas de Minas Gerais. Além de manterem-se como referências em conteúdos de qualidade, o encontro, a promoção da cultura e a inclusão dos diversos públicos, segundo a diretora, fazem parte do papel desempenhado pelas bibliotecas. Um papel, de acordo com Nogueira, crucial para o desenvolvimento não só da leitura como da cidadania. Continue lendo Bibliotecas vão além do acesso ao livro

Participantes de debate dizem que Brasil precisa de marco legal para bibliotecas

Marta Valentim defendeu a formação de cidadãos críticos

O Brasil precisa de um marco legal para fortalecer as bibliotecas, que imponha padrões de estruturação, esclareça as diferenças entre as tipologias e missões existentes e estabeleça recursos orçamentários permanentes para investimento. Desta forma, elas não ficarão à mercê do empenho de gestores engajados ou não e poderão ser instrumento de mudanças na sociedade.

Esta foi a tônica do debate realizado nesta quinta-feira (10) pela Comissão de Educação, a pedido do senador Cristovam Buarque (PDT-DF), para coletar sugestões que embasarão uma lei para fortalecer essas instituições. Isso permitirá, segundo os debatedores, que elas se tornem verdadeiros centros de estímulo à leitura e ao conhecimento e braços para o desenvolvimento social, e não apenas depósitos de livros. Continue lendo Participantes de debate dizem que Brasil precisa de marco legal para bibliotecas

A Biblioteca Parque Estadual

A Biblioteca Parque Estadual é um lugar de memória e de experimentação, promove a leitura e o conhecimento como pilares da cultura cidadã.

A Biblioteca Parque Estadual (BPE) é resultado de um extenso trabalho de ampliação e modernização que consumiu quatro anos e muito trabalho em obras civis, acervos, equipamentos e instalações. Continue lendo A Biblioteca Parque Estadual